Serviço Nacional de Contrainformação Otomano

Serviço Nacional de Contrainformação Otomano

Date: Maio 04,  2017
Author: Protski
Comments: 1 comentário
Categories: Conto, Literatura, Texto Curto

Constantinopla, 25 de março de 1830.   – As coisas não andam nada bem. Por que diabos fomos matar aquele inglês intrometido? Se o tivéssemos capturado e dado um título no nosso império, é bem capaz que até escreveria alguns poemas a nosso favor.   – Sei lá, filelenos, vai entender...   – É, vai saber.

Read More
Partida

Date: Abril 26,  2017
Author: petrini
Comments: Nenhum comentário
Categories: Conto, Texto Curto

Foi fazendo as malas para ir à cidade, que senti o peso das minhas decisões cair sobre as costas pela primeira vez. Dobrando as roupas ao meu modo rústico, empurrando para que coubessem dentro da mala, e tentando fazer de cabeça, mas com a ajuda dos dedos, a matemática de.

Read More
O Número Que Você Ligou Encontra-se Desligado Ou Fora Da Área De Serviço

Date: Março 28,  2017
Author: Protski
Comments: Nenhum comentário
Categories: Conto, Literatura, Texto Curto

O ônibus? Acho que daqui uns dez minutos ele passa, não demora muito não. Já, já peguei sim. Pegava bastante pra ir pro trabalho. Não vou pegar hoje não. Faz tempo que não pego ônibus. Tô só me.

Read More
Cursor

Date: Fevereiro 09,  2017
Author: carolrehbein
Comments: Nenhum comentário
Categories: Texto Curto

O cursor piscava como se zombasse da minha falta de ação. A luz estava apagada, isso já era um rito. A pressão do compromisso dava sensação de nó na garganta. No fim, aquilo tudo se resumia na criação de um atestado de ignorância. O cursor divertia-se disparado.

Toda vez.

Read More
Eu te amei.

Date: novembro 12,  2016
Author: Convidados
Comments: Nenhum comentário
Categories: Conto, Convidado, Texto Curto

– Eu te amei. – Você foi covarde. – E você foi intransigente. – Eu tive que seguir a minha vida sem você. Olharam-se, desejaram sorte um para o outro, “a gente se vê por aí...”, um tentou não levar o rancor, o outro só tentou seguir em frente. Um arrumou um novo companheiro,.

Read More
nuvens

Date: outubro 11,  2016
Author: romulocandal
Comments: Nenhum comentário
Categories: Literatura, Texto Curto

ela traz consigo um tanto de nuvem. uns tantos de nuvens. pesadas, carregadas. cansada. leva nas costas diversos sonhos, vários afazeres e uma desesperança que não lhe cabe mais, como perene tempestade-que-não-vem. acredita que sempre se está em débito com alguém. independente, autossuficiente… balela. viver, ela diz, é assumir que existem dívidas. a.

Read More
Paredes ou Prisões?

Date: julho 12,  2016
Author: Protski
Comments: Nenhum comentário
Categories: Conto, Texto Curto

Escrito pelo Gabriel Protski Ilustrado pelo Otávio.

Read More
melodia, harmonia e o ritmo de mais um dia

Date: julho 01,  2016
Author: romulocandal
Comments: Nenhum comentário
Categories: Conto, Literatura, Texto Curto

desperta. bateria com vassourinha, guitarra com chorus. som de cabeçudo. dinâmica, solo de guitarra, solo de contrabaixo, solo de piano, som de fumaça como num bar. quem pôs isso pra tocar? acorda e olha pros lados, confuso. de onde vem a música? a janela aberta e o vento entrando, faz frio. puxa.

Read More
Enganos, etc.

Date: Maio 09,  2016
Author: Protski
Comments: Nenhum comentário
Categories: Conto, Literatura, Texto Curto

– Alô! – Alô! Helder? – Não, amigo. Foi engano. – É? – É!   – Alô! – Helder? – Não, cara. Errado de novo! – Porra! – Pois é!   – Opa! – E aí Helder. –.

Read More
Temporal às sete da noite

Date: Maio 05,  2016
Author: carolina
Comments: Nenhum comentário
Categories: Conto, Literatura, Texto Curto

por Carolina Goetten Hoje de manhã, quando vi você passar do outro lado da rua, eu tive vontade de não morar mais aqui. Pensei que se fosse embora pra Recife ou pra Tailândia, ou se nadasse todos os mares até o país oposto no globo terrestre, onde você nunca iria passar por.

Read More